Notícias sobre Regulação


Com o ministro das Minas e Energia, Edison Lobão, como mediador, os presidentes da Suez Energy, Maurício Bähr, e da Construtora Norberto Odebrecht, Marcelo Odebrecht, firmaram um acordo entre os consórcios que brigam pelo direito de construir e explorar a usina hidrelétrica de Jirau, no Rio Madeira, em Rondônia. Os dois lados concordaram em deixar de lado a batalha pública em torno do empreendimento até que a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) concluam as avaliações técnicas e ambientais do novo projeto da hidrelétrica, apresentado pelo grupo comandado pela Suez.

A trégua paralisa as ameaças de ações judiciais feitas pela Odebrecht contra a alteração do projeto, que deslocou em nove quilômetros o local de construção da usina. O governo ganhou tempo para negociar uma saída com os dois consórcios. Os concorrentes continuarão defendendo suas posições, mas a discussão vai se limitar à Aneel e ao Ibama, sem necessidade de chegar à Justiça.

© 2007 CRE Brasil - Todos os direitos reservados.