Notícias sobre Regulação


Dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) indicam queda de 22% no desmatamento ilegal na Amazônia. O ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, atribuiu o resultado ao maior rigor e regularidade nas operações de fiscalização do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Renováveis (Ibama).

Em setembro, foram desmatados 587 quilômetros quadrados, enquanto em agosto a área com árvores retiradas havia sido de 756 quilômetros quadrados. "Essa foi a maior redução nos últimos meses", destacou o ministro, acrescentando que os níveis ainda são muito altos. "É sempre melhor diminuir do que aumentar, mas 500 quilômetros quadrados de desmatamento em um só mês é inadmissível".

Segundo Minc, em agosto e setembro o Ibama realizou 37 operações que resultaram em mais de R$ 212 milhões em multas aplicadas, 720 autos de infração, mais de 18 mil toneladas de madeira apreendida e embargo de nove serrarias.

© 2007 CRE Brasil - Todos os direitos reservados.