Notícias sobre Regulação


Dezoito empresas brasileiras e estrangeiras já manifestaram interesse em participar da 10ª Rodada de Licitações da Agência Nacional do Petróleo (ANP), programada para 18 de dezembro. No leilão, serão oferecidos 130 blocos para pesquisa em óleo e gás, todos terrestres. É a primeira vez que não serão concedidas áreas no mar, de onde o Brasil extrai mais de 80% de sua produção. Até 14 de novembro, as companhias deverão apresentar documentação para que estejam habilitadas para a rodada.

A busca por informações surpreendeu a ANP, pois é muito semelhante aos leilões anteriores, quando foram oferecidos blocos em bacias marítimas. “Essa é uma demonstração de confiança no país”, acredita Nelson Narciso, diretor da agência. Especialistas avaliam que a queda no preço internacional do petróleo estaria estimulando as empresas na busca a opções mais baratas de exploração e produção. A prospecção terrestre é bem menos custosa do que a no mar.

© 2007 CRE Brasil - Todos os direitos reservados.