Notícias sobre Regulação


O projeto Rios Voadores, patrocinado pela Agência Nacional das Águas (ANA) e pelo Programa Petrobras Ambiental, concluiu que o vapor  d’água  gerado na Amazônia e transportado pelas massas de ar tem enorme impacto sobre o clima no país – e, conseqüentemente, sobre o ciclo de chuvas no Sul e no Sudeste.

Os pesquisadores liderados pelo engenheiro e ambientalista Gérard Moss desde 2003 investigam os efeitos do desmatamento na região amazônica sobre o clima no Brasil, e como a mudança de clima pode alterar o ciclo hidrológico do país, causando secas e tempestades. Os Rios Voadores do título do projeto são justamente as correntes de ar que carregam umidade e vapor d'água da Amazônia até as regiões Centro-oeste, Sudeste e Sul do Brasil.

Durante a pesquisa, Moss fez 12 viagens sobrevoando o Brasil em um avião monomotor, nas quais recolheu cerca de 500 amostras de vapor d’água em diferentes camadas atmosféricas. Cada uma dessas amostras  foi analisada no Centro de Energia Nuclear na Agricultura (Cena), em Piracicaba (SP).

© 2007 CRE Brasil - Todos os direitos reservados.