Notícias sobre Regulação


As usinas termelétricas movidas a óleo ou carvão terão que plantar árvores para reduzir o impacto provocado pela emissão de gás carbônico. A exigência começou a ser feita esta semana pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Renováveis (Ibama), que impôs essa demanda ambiental para que as usinas possam receber ou renovar suas licenças. Atualmente, as termelétricas produzem 14 milhões de toneladas de dióxido de carbono no Brasil. Até 2017, a estimativa é que aumente para 39 milhões, com a inauguração de 82 novas usinas.

O cálculo de quantas árvores devem ser plantadas se baseia na quantidade de toneladas de carbono lançadas na atmosfera ao longo da vida útil da termelétrica. Pelo menos um terço das emissões deverá ser quitado dessa forma. O restante poderá ser pago com investimentos em tecnologia limpa ou em melhoria da eficiência energética. Uma usina de 100 megawatts, que funciona em média três meses por ano há 25 anos, terá que plantar 600 mil árvores para compensar a produção de 200 toneladas de gás carbônico.

© 2007 CRE Brasil - Todos os direitos reservados.