Notícias sobre Regulação


A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) decidiu reduzir o valor máximo da tarifa que poderá ser cobrada dos usuários do trem-bala que será construído para fazer a ligação entre Rio e São Paulo. O preço quilômetro na classe econômica caiu de R$ 0,60 para R$ 0,50, de acordo com a minuta do edital de licitação. Como a previsão é de que a ferrovia terá 435 quilômetros, as passagens deverão custar até R$ 217,50 (US$ 121,88) em vez dos R$ 261 (US$ 146,25) previstos.

“Esse valor estava muito acima do mercado”, afirmou o diretor-geral da agência. Na classe executiva, o preço cobrado poderá ser até 75% maior do que na econômica. O consórcio vencedor do leilão será o que oferecer a melhor proposta combinada com a menor tarifa e o menor percentual em financiamento público para a conclusão das obras.

© 2007 CRE Brasil - Todos os direitos reservados.