Notícias sobre Regulação


Dois meses depois do terremoto que provocou o acidente nuclear da usina de Fukushima, 40 países ainda mantêm restrições aos alimentos que saem do Japão por temerem contaminação radioativa. O medo ronda principalmente um símbolo da culinária japonesa: o peixe cru. O governo japonês, no entanto, garante que todos os produtos passam por rigorosa inspeção para evitar riscos.

Para afastar temores, o Japão proibiu a pesca na costa da região de Fukushima. "Detectamos contaminação por césio e iodo em peixes na costa de Fukushima, mas desde abril esses índices estão caindo. E o problema foi detectado em apenas uma espécie. Estamos acompanhando com cuidado a situação, mas, por enquanto, a contaminação de peixes e frutos do mar não é um preocupação", afirmou Hideki Karaki, especialista em radioatividade da Universidade de Tóquio e membro da Comissão de Segurança Alimentar, que dá consultoria ao governo japonês.

© 2007 CRE Brasil - Todos os direitos reservados.