Notícias sobre Regulação


Situado a cerca de cinco quilômetros das praias mais famosas do Rio de Janeiro e do Brasil – Copacabana e Ipanema –, o arquipélago das Cagarras está no centro de um projeto que visa mapear a biodiversidade da região. O local é a primeira unidade de conservação marinha da cidade e, por isso, foi identificada a necessidade de um plano de manejo para as ilhas e seu entorno.

Com patrocínio da Petrobras, pesquisadores do Instituto Mar Adentro iniciaram o levantamento. “O que tem chamado mais a nossa atenção é a quantidade de golfinhos e aves”, ressaltou o biólogo Carlos Rangel.

Em uma das frentes do estudo, a equipe de oito pesquisadores coleta água de quatro pontos das Cagarras. Um deles, perto da saída do emissário submarino, que joga esgoto in natura no mar onde são pescados muitos peixes que vão parar na mesa dos moradores do Rio. Os dados são encaminhados para um conselho consultivo formado por 18 órgãos, que definem medidas para preservar o arquipélago.

© 2007 CRE Brasil - Todos os direitos reservados.