Notícias sobre Regulação


Ambientalistas alertam para o risco de morte de animais por causa do vazamento de petróleo de um poço da Chevron, na Bacia de Campos, no litoral do estado do Rio de Janeiro. Segundo o biólogo Anderson Sofiati, da Universidade Federal Fluminense, mesmo com a mancha de óleo se deslocando na direção contrária à costa, a contaminação já é grande e seus reflexos durarão muito tempo.

“A área vai ficar marcada, independentemente do sucesso dos trabalhos de limpeza. Toda a cadeia alimentar está comprometida. Os animais que não morrerem pelo contato direto com o óleo vão morrer de fome ou terão que procurar alimento em outro local, deixando a região morta”, afirmou.

Para o também biólogo Mário Moscatelli, as baleias serão as principais vítimas. “Esta é a época de migração para o Sul do país e, se a mancha estiver no caminho, poderão adoecer ou ficar desorientadas”, explicou.

© 2007 CRE Brasil - Todos os direitos reservados.