Notícias sobre Regulação


A Chevron poderá ter que pagar mais de R$ 260 milhões (US$ 138,3 milhões) de multas pelo vazamento de petróleo no Campo de Frade, na Bacia de Campos, no litoral do Rio de Janeiro. Pelos danos no ecossistema marinho, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) aplicou multa de R$ 50 milhões (R$ 26,6 milhões), que poderá ser somada a outra de R$ 10 milhões (US 5,3 milhões) se for constatado que a empresa não tinha um plano de emergência para combater o vazamento.

Já a Agência Nacional do Petróleo (ANP) determinou duas multas – cada uma de R$ 50 milhões (US$ 26,6 milhões) – à Chevron por ter omitido informações sobre o vazamento e pela ausência de equipamentos conter o derramamento. Além disso, o governo do estado do Rio de Janeiro entrou com uma ação na Justiça cobrando mais R$ 100 milhões (US$ 53,2 milhões) para reparar os estragos no meio ambiente.

© 2007 CRE Brasil - Todos os direitos reservados.