Notícias sobre Regulação


Desde 2010, biólogos do projeto Ilhas do Rio não avistam golfinhos nas proximidades do arquipélago das Cagarras, conjunto de ilhas localizado de frente para as praias mais famosas do Rio de Janeiro, Copacabana, Ipanema e Leblon. O período em que os cetáceos apareciam com mais constância era os meses de agosto e dezembro.

Biólogos do projeto Ilhas do Rio – que estudam a vida marinha na região – apontam o aumento da poluição e a movimentação crescente de embarcações como as principais hipóteses para o sumiço dos golfinhos das Cagarras.

© 2007 CRE Brasil - Todos os direitos reservados.