Notícias sobre Regulação


Cientistas da Universidade de British Columbia, no Cananá, localizaram na costa oeste do Ártico uma beluga portadora do parasita toxoplasma gondii, característico de gatos e que pode causar cegueira em seres humanos. Após a descoberta foi emitido um alerta para que moradores da comunidade local não comam carne desse cetáceo, um hábito na região. Ainda não se sabe como o mamífero aquático contraiu o toxoplasma.

De acordo com os pesquisadores, a presença do parasita é uma evidência de como o aquecimento do Polo Norte provoca uma maior circulação de patógenos (organismos que podem causar doenças). Segundo o parasitologista molecular Michael Grigg, que liderou a equipe responsável pela descoberta, o gelo é um obstáculo natural a agentes infecciosos, e as mudanças climáticas possibilitam o surgimento de doenças até então inexistentes na região ártica.

© 2007 CRE Brasil - Todos os direitos reservados.