Notícias sobre Regulação


Desenvolver uma metodologia que permita medir os fatores que prejudicam a saúde das abelhas, provocando a morte prematura dos insetos, é o objetivo de uma pesquisa conjunta de cientistas brasileiros e australianos. O trabalho envolve a agência nacional de pesquisa da Austrália e o Instituto Tecnológico Vale de Belém, no Pará, e estuda colmeias na Amazônia e na Tasmânia.

“Já conseguimos estabelecer uma espécie de índice de saúde das abelhas, que mede o impacto de qualquer fator debilitante sobre os insetos. Isso poderá ser importante para chegar à causa do fenômeno conhecido como Distúrbio de Colapso de Colônias (CCD, em inglês)”, explicou o físico Paulo de Souza, um dos coordenadores da pesquisa.

Cerca de 400 abelhas estão sendo monitoradas com um microssensor instalado no tórax dos insetos, que revela detalhes do comportamento dos animais.

© 2007 CRE Brasil - Todos os direitos reservados.