Notícias sobre Regulação


O arquipélago de Fernando de Noronha, em Pernambuco, possui a maior concentração regular de golfinhos-rotadores do planeta: 350 são avistados diariamente. Para preservar os animais, um projeto que nasceu há 25 anos, fruto da parceria de ambientalistas com órgãos do governo, ajudou a estabelecer uma série de normas que conciliem o turismo com a conservação dos mamíferos aquáticos.

Além de realizar pesquisas, o Projeto Golfinho Rotador monitora a movimentação de barcos e orienta os turistas. Há, por exemplo, um limite de três embarcações ao mesmo tempo nos locais onde os animais estejam. Fernando de Noronha é considerado um refúgio para a espécie. Depois de se alimentarem em mar aberto, os cetáceos buscam no conjunto de ilhas do Nordeste brasileiro um local de proteção contra predadores – como tubarões –, descanso e reprodução.

© 2007 CRE Brasil - Todos os direitos reservados.